Fofuras da Kah

Posts marcados na categoria fica a dica

TREND ALERT: VICHY

#queroComprasFashionfica a dicaModa - 16.08.2017

Sou só eu ou tá  mesmo impossível não amar essa nova moda de sair por ai com toalhas de piquenique no corpo?? (desculpa não posso perder a piada haha). Okay, sem zoação agora, não tô sabendo lidar muito bem com essa tendência  xadrez que chegou! Na minha opinião é uma das mais fortes  e mais incríveis que 2017 já viu. Dei uma pesquisada, e descobri algumas coisas bem interessantes sobre ela:

Pra começar, por que Vichy? Vichy é uma cidade no interior da França que t-r-a-n-s-b-o-a-r-d-a finééz e sofisticação. Pra quem não sabe, o xadrez original como a gente, mero mortais, conhece origina-se dos celtas. E pode-se dizer que essa cidadezinha ai da França, tem uma de suas raízes Celtas. Curioso né?

Pra mim xadrez sempre teve e sempre vai ter cara de duas coisas: festa junina e piquenique (fato). Mas não tem como negar! O xadrez chegou lacrando, e pra ficar. Desde maio que as grandes redes de fast-fashion tem apostado na estampa, e desde os fashion weeks do início do ano tem marcado presença. Mas foi agora, e só agora que o booom foi geral, e a estampa caiu no gosto geral da nação fashionista!

Calça // Blusa //  Sapatilha Preta // Bolsa // Sapatilha // Body // mais aqui  e aqui 

Separei aqui em cima uma espécie de wishlist com algumas ideias de peças -pra apostar- de lojas que estão com peças incríveis da tendência. Dessa vez (e ó que fazia um tempão que eu não trazia matéria de moda ou com lista de desejos por aqui), resolvi trazer algumas ideias de onde você pode passar o cartão para se jogar de vez no quadriculado, mas semana que vem tem mais dicas de como usar a trend!

Até mais ver terráqueos!

xoxo

                                                                                                🌸🌵✨

YAY! Hoje é segunda, e como o que tá virando costume aqui no blog, dia de falar de coisa boa! E gente, tem coisa melhor do que reviver a infância? Não galera não tem! Sai da exposição do Castelo com a sensação de ter 5 anos de idade, e só pra constar com “Caaaaasteloooooo, bum bum bum, castelo ra-tim-bum”  na cabeça (por um booom tempo haha). E como eu amo compartilhar minhas experiências com vocês, aproveitei pra registrar tudo, e trazer  essa experiência incrível por aqui, ( mas ó lá a exagerada), acabou que eu tirei fotos de mais da conta -hehe mal de pisciana- e pra não ficar muito comprido vou “quebrar” o post. Mas ele continua clicando na abinha, combinado?Obs: (essa foto lacradora ai de cima é da fofa da Bia do blog Anota aí. Não resisti e fui pedir emprestada a foto pra amiga haha).

Não me abandonem! Tem mais fotos e comentários clicando no link *–* Continuar Lendo

Eu sou muito suspeita pra falar sobre esse assunto, mas já que dica boa é dica compartilhada (eeeeita que essa semana o blog tá fervilhando de dica quentes hein?) “simbora” bater um papo sobre uma coisa que eu amo mais que tudo nessa vida: vi-a-jar YAAY!

  E  vou ter que confessar isso pra vocês: Psiu (não vale me julgar) eu sou tão viciada nisso (podem acreditar haha) que um dos meus passatempos preferidos quando to bancando a ociosa ~o que vamos lá: acontece raramente~ é ficar montando planilhas e mais planilhas -e mais planilhas- com cotações e roteiros de lugares pelo mundo que eu sonho em conhecer. Muito doido né??? Inclusive se alguém ai quiser uma matéria só ensinando a organizar planilha de viagem, dá um ALÔ aqui nos comentários que eu escrevo sobre isso com muito prazer viu? <3

Mas deixando as planilhas de lado (que se vocês quiserem isso é matéria pra semana que vem. Quem tal?) o assunto de hoje é como viajar, minimizando- e ó ao máximo- os gastos! Sim galera isso é possível! E inclusive para fora do país! Então vamos parar de bagatela e ver logo algumas dessas minhas estratégias super não tão secretas asssim? hehe.

Eeee lá vão elas: *–*

➕1- Comidaaa! Hmm que não ama?? Quando o assunto é matar a fome e fazer aquele rango, vale ter sempre em mente: $50 doletas por dia (por pessoa)  que é o que você ai vai gastar em qualquer que seja o destino fora do país. Com esse dinheiro meio que “diário” pode acreditar, dá pra comer MUITO bem, e ainda sobra!  Mas se você tá procurando alternativas pra fazer esse dinheiro render, a ideia são os food trucks, food trucks (que são bem mais em conta) e ó anota aí, supermercados! Uma coisa que a gente sempre faz nas viagens internacionais é tomar o café no quarto (quando não vem incluso na diária, o que é super comum lá fora). É só passar em algum super e comprar snacks e itens como pães, bolos, café de vidrinho, e por ai vai…

➕2- E falando de hospedagem pra economizar as dicas (babadeiras) são duas: hostel ou Airbnb que ( momento de confissão haha) é uma das coisas mais legais que o homem já criou! Pra quem não conhece ele é um site, onde você “aluga” temporariamente o apê, a casa, ou até um quarto aqui ou fora do país! É super confiável e ó ba-ra-tinho!

➕3- Essas frutinhas ai representam uma coisa mega importante: ter sempre snacks a mão! Eu sei que a gente já falou de comida ~calmaa ainda não tô loka~ mas essa é uma dica que realmente pesa no seu bolso (no sentido literal de sobrarem mais moedinhas nele viu? hehe). Quando você leva seus lanches na mochila, além de ter a oportunidade de acabar fazendo um piquenique em um lugar super legal, pode acabar economizando de pagar o preço de midas em um lanche mée!

➕4- Na hora de voar não tem erro: comprar as passagens de madrugada e durante a semana (o mais longe da data da viagem possível se a ideia for usar as milhas), anotou ai?

➕5- Agora falando sobre os passeios turísticos, alguns museus, parques, enfim esse tipo de coisa, lá fora (e até aqui dentro do país) contam com um dia, e as vezes vários horários em que a entrada é free (ou pague quanto você deseja). Então fica ligado nisso que você pode conseguir uns bons descontos? Aeee!

➕6-  E se você ai tá planejando uma viagem totalmente a deriva e longe dos grupos de excursão, parabéns amigo, você já tá economizando uma nota! Geralmente os grupos são mais caros (e mais chatos haha) porque te prendem no “roteiro fixo deles” e já incluem o transporte e todo aqueles fiuns fiuns . E ai rola de  quando você estar indo sozinho, ficar a dúvida: mas como é que eu vou de um canto pra outro? Se você não tem frescura e ainda tá com vontade de ficar com uns bons trocados do senhor bolso, a resposta é simples: transporte público! Acredite, é barato, fácil e eficiente!

Olha já vou até aproveitar pra comentar: todas essas dicas ai de cima foram coisas que eu fui aprendendo com cada uma das viagens, e que eu sempre tive vontade de compartilhar com alguém. E ó todas elas eu já testei na prática e são pequenas coisas que realmente funcionaram (pelo menos pra mim). E se alguém ai tiver outras dicas, ou for testar alguma dessas, me conta aqui nos comentários que eu vou amaaar!

Até mais ver terráqueos!

xoxo

                                                                                                🌸🌵✨

1 2 3 4 5 20