Fofuras da Kah

Posts marcados na categoria viajando por ai

Eu já tava quase esquecendo, maaas graças ao Universo existe uma coisa chamada mãe (obrigada manhêeee por me salvar 99,9% das vezes haha) que me lembrou que fazia séculos que eu não compartilhava por aqui alguma matéria com as fotos que eu fiz lá em Vegas. E gente eu vou falar que eu escondi muuuuito bem de mim essas fotos porque foi punk de achar viu??! Não sei como enfiei  as benditas em pastas e mais subpastas, mas para a minha alegria depois de quase uma hora e meia ao som de Beatles, tô aqui para compartilhar mais um pouquinho da minha trip e o vlog que gravei por la! <3

Sempre que me perguntam como foi a viagem eu falo: a mais loka ever! haha! Teve direito a almoço em franquia de frango com um monte de chinês no  dia meu aniversário (vai entender), passeio sem querer até o subúrbio ao estilo Simpsons, se perder bonito dentro do Excalibur (coisa de ficar rodando 2 ruas dentro do cassino  sem achar a saida hahaha) e pra fechar com chave de ouro, apanhar da máquina caça niquel! Então assim foram os dias mais engraçados que eu já tive! E eu como blogueira atrapalhada acabei gravando só o último dia, que foi mais de boinha! Mass foto desses dias é o que não falta!

Nem preciso falar que eu amei esse hotel né? Essa deve ser a terceira ou quarta vez que eu falo dele aqui, mas vou continuar falando porque hotel que pode,PODE!  haha! O New York New York é o paraíso pra quem curte um ambiente descontraído e comidas babadeiras de todos os tipos- e claro pra quem ama NY- então já viram que eu praticamente morava lá né?? O legal é que pra quem curte montanha-russa ele tem uma m-a-r-a! Então vamos combinar que além de lindo, ele ainda tem uma pegada Disney cara! DISNEY! Nãoo tem como não amar!

 Ahhh Starbucks como não te amar!! Sinceramente falando acho que usei o Starbucks nesses 10 dias muitos mais do que eu usei em dois meses no Canadá. Não que eu não usasse em Vancouver, até porque eu ia todo dia durante as aulas, maaas porque em Vegas eu ia coisa que 3\4 vezes por dia!   E olha, santa seja a internet desse lugar! haha graças a ela e aos 3983809872 chocolates quentes que eu tomei que eu consegui atualizar o blog e as redes sociais durante a viagem!

As três fotos ai de cima definem bem Vegas. A primeira é um resumo resumido da Strip. Pra quem tem curiosidade de saber como é uma das avenidas mais agitadas e bonitas do mundo, a resposta tá nessa foto: pessoas, pessoas, pigmeus, mais pigmeus, shows, mais shows e gente pra tudo quanto é lado! kkk. Agora a segunda eu fotografei no prédio da Coke esse simpático Pikachu que me deu um tchauzinho. E gente vou falar que quem tem medo de fantasia não pode ir pra Vegas porque gente fantasiada é o que mais tem! Acho que vi mais personagem na Strip do que em Orlando hehe! Ahhh e nossa última fotenha é uma homenagem ao Darth Bom Vader que aceitava ser sucumbido ao lado bom da força por uns trocados! Poxa Darth, eu amo o Chewie mas assim não dá né?

Pra quem ainda não viu lá no canal o vídeo com o vlog completo tá aqui em cima! Ficou totalmente descontraído e meio alternativo – a loka kasjakjajd- mas super espero que vocês curtam porque eu fiz com muito mais muito amô viu???

Ahhh e que saudades bate desse lugar maravilhoso chamado Las Vegas! Quem tem o sonho de conhecer eu vou falar que é melhor do que se imagina, e pra quem nunca pensou em dar uma passadinha por lá, anota na sua lista do que fazer antes de morrer porque tá ai um lugar que todo mundo merece conhecer!

Até mais ver terráqueos!

xoxo

                                                                                                 🌸🌵✨

Vocês sabem que eu amo de paixão fotografar, desenhar, escrever, curtir um domingo em casa com a família, um dia de chuva com uma boa xícara de chá e o som de um LP das antigas riscado né? (e como eu amo tudo isso) Mas posso falar? Eu amo MESMO é viajar! Desde que eu me conheço por gente- e olha  que eu posso realmente falar isso, porque viajo desde os meus 8 meses de idade haha-  que eu amo botar o pé na estrada e conhecer os cantinhos mais incomuns desse universo! Por isso hoje resolvi compartilhar com vocês uma meta (de vida) que eu tenho, e que sinceramente eu torço muito pra realizar hahaha *–*

 

Descobri, oia eu acho que com cerca de 3-4 anos de idade o maravilhoso mundo das outras culturas. E desde então que eu sou completamente apaixonada por sair por ai conhecendo novas tradições e culturas sabe? Pra mim não tem coisa melhor -ever- do que as memórias e os aprendizados que a gente pode trazer de uma viagem, juro!

E não se trata só de “nossa eu conheço tal lugar”. Cara fala sério! Do que adianta você ir conhecer um país, cidade, estado- planeta haha- e não aproveitar de verdade o lugar? Não se entregar de corpo e alma sabe? E ficar só preocupado com as sacolas no final da viagem? (okay tenho que dizer que eu sou a loka das compras sim, e eu amo uma loja sim senhor, mais por favor né?) Se até a Becky Bloom consegue se segurar, a gente também pode! hihi

E pensando nisso tudo, e na minha vontade extrema de conhecer todos os cantos do mundo, eu instaurei uma meta pra vida: conhecer 20 países antes dos meus 20- anos de idade. Olha já foram alguns,  mais ainda tenho uma penca (e uma lista enorme pra completar). Talvez eu não realize? Talvez.. mas nada como sonhar ao infinito e além! haha! 

E você ai que também tem esse tipo de sonho: dica de amiga! Não desista n-u-n-c-a, desse ou qualquer sonho que você tenha na vida! Nada como força, foca e fé não possam resolver! Por isso miga, pode continuar sonhando sim, que um dia, quando a gente menos esperar, eles se realizam!

  E ai gente, eu sei que nos últimos posts a minha escrita anda mais lenta que lesma em coma! haha. Maaas voltar pro ritmo da vida real não tá sendo muito fácil (essa coisa de relax ganhou um pedacinho do meu coraçãum!). kkkk mas prometo que já já meu organismo e uma Kah atualizada estão de volta!

E vocês? Quais são seus sonhos?

Até mais ver terráqueos!

xoxo

                                                                                              🌸🌵✨

Não eu não tô ficando louca. Talvez só um pouquinho, e pelo fato de estar prestes a compartilhar um dos meus textos\contos por aqui, mas vai saber né? Falam que mudanças sempre vem pro bem, e essa daqui também haha! Há alguns- m-u-i-t-o-s- anos resolvi compartilhar um dos  meus “contos”- nem sei se posso chamar assim- aqui no blog (e no final das contas vocês amaram). Maaas como eu sou envergonhada kkk demorei ai, ó pode botar ai 3 anos, pra compartilhar mais um. E pra felicidade de quem gosta desse tipo de coisa, é algo que pretendo trazer com mais frequência. Porque perdi a vergonha? Nem vem! Mas porque o chuchu que começa aqui em baixo, é um pouco maior que de costume, hihi! (ps: roubei essa fotim ai do Pinterest haha)

love

21 de maio de 46,
Querido J,

Lembra-se de quando você me pediu que escrevesse esse diário? O dia em que você apareceu com um semblante na época, moderadamente expressivo como era de costume,e com um pequeno caderninho entre as mãos? Pois bem. Desde aquele dia, demoraram longos 6 meses e para eu tomar coragem para o rabiscar. Você deve estar se perguntando agora que está a ler esse bloquinho, o por que de minha enrolação. Pois bem, está na hora de eu lhe explicar:
Para mim, aquela chuvosa e úmida quarta-feira, de 19 de dezembro de 45, me vem a memória como um verso de música o qual não quero me recordar, mas que sei a letra a tiro e queda. Mas já que precisamos, e com urgência, por as notícias em dia, vou fazer esse sacrifício para que assim você fique informado:  Naquela manhã papai me apareceu com o jornal na mesa do café logo cedo como já era de costume. Mas dessa vez, com o rosto mais iluminado que já vi em toda a minha breve existência. Nos informou sobre algumas notícias, que segundo ele, marcavam o início de uma nova e promissora fase mundial; Algo sobre sobre Hitler, que fôra acusado de traição pela Polícia Prussiana, e sobre um tal de Braden,  que propôs algo sobre a Paz mundial (coisa que ao meu ver, nunca dará muito certo, até porque, sabemos muito bem como os os franceses, por favor não me inclua no meio, acham que são melhores de o mundo todo). Mas é exatamente como você bem sabe, papai e suas políticas…
Depois do café, e de um discurso matinal sobre o futuro parisience, fui chamada de canto por tia Madelaine- sua carta de Adeus, tinha acabado de chegar.  E como você sabe nem papai, nem Tio Jaque, gostam de me ver tendo amizade com o “inimigo”, como eles falam.. Mas mesmo assim, depois de ler a carta mais triste de toda a minha vida, corri, escoltada Tia Madelaine e Mamãe até seu esconderijo. Posto dai em diante você sabe muito bem o que viera a acontecer. O pedido de casamento, que foi recusado por titia e não por mim como você sabe. Minha tentativa de fuga, e a sua fuga para o Brazil (s)… Desde então venho tentando superar sua partida, e fazer como prometemos. Relatar tudo o que acontecer, para que quando nos encontrarmos, você possa se atualizar facilmente, e não me roubar longas horas de explicações sobre minha vida, e sua amada Europa..
Espero que por ai, as coisas andem como você sempre sonhou! Aliás, você poderá servir ao exército? Andei pensando nisso mais cedo, e não sei como as coisas
funcionam nesse continente, mas adoraria ainda um dia lhe ver usando sua tão sonhada Farda!
Com amor,
Hanna


Por favorzim, pelo bem da minha pessoa, não metam o pau no meu conto kk (pra não magoar meu coração). Mas me falem o que acharam please!!! Vou amar saber se vocês querem ver com mais frequência esse tipo de trem por aqui!

Ahhh e pra você que não aguenta ficar sem as novidades do blog, ou quer acompanhar meu day by bay, só me seguir lá no insta da vida (@fofurasdakah) e assinar a newslatter que tá aqui do ladinho!!

xoxo

1 2 3